Quarta-feira, 23 de Dezembro de 2009

Laurent Filipe, "Luz"

Hoje temoa aqui Jazz "em português" por músicos talentosos: Mário Delgado/guitarra, Rodrigo Gonçalves/piano, Nelson Cascais/contrabaixo, Alexandre Frazão/bateria, a acompanharem o Laurent Filipe na trompete. Curtamos!

 


publicado por divagares às 22:56
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 18 de Dezembro de 2009

Fernando Lopes-Graça

"Se considerarmos o grau de desenvolvimento, e quiçá de esplendor, que certos aspectos de cultura artística e literária atingiram entre nós no decorrer dos tempos, não podemos deixar de ficar surpreendidos ao verificar que a música, de uma maneira geral, nunca acompanhou a marcha nem atingiu o estádio relativamente superior dessas outras manifestações da nossa vida espiritual. Pode perfeitamente falar-se de uma literatura portuguesa, (...) de uma arquitectura portuguesa, (...) de uma pintura portuguesa, (...)".

"Parece-me, no entanto, que já não podemos falar ou que será mais difícil falar de uma música portuguesa, tomando esta expressão, evidentemente, no sentido erudito e não no sentido étnico.

O que poderia formar uma escola nacional de música,ou conferir a Portugal alguma vitalidade musical no domínio da criação, seria a existência de pelo menos meia dúzia de obras importantes, significativas, que constituíssem por assim dizer os seus marcos históricos".

(...) Quais são as obras que constituem o corpus histórico da música portuguesa?

(...) O processus histórico da música portuguesa (se processus há no que não apresenta uma feição orgânica) é descontínuo, cheio de hiatos, sem núcleos vitais e sem figuras realmente representativas. O único período em que na nossa produção musical há uma certa continuidade histórica, e que é aliás, parece-me, o único digno de nota, é o dos polifonistas da chamada Escola de Évora, (...) não me parece, digo, que esse seja o tal período excepcional, aquele período que, só por si, pela envergadura das suas criações, basta para dar foros de criadora de uma cultura musical e marcar na história da arte de um país um ponto luminoso, um estádio valorativo da sua personalidade espiritual, e até uma fase necessária na evolução geral da música, como foi o caso, por exemplo, dos polifonista neerlandeses e dos viginalistas ingleses (...)".

Excertos de uma conferência de F.Lopes-Graça, realizada em 1943

 

 Filomena Amaro, soprano e Gabriela Canavilhas, piano


publicado por divagares às 19:04
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 17 de Dezembro de 2009

Fernando Lopes-Graça

"A música é a arte que utiliza como material o som produzido pelos instrumentos e pela voz humana. O som é, assim, a realidade primeira e a condição básica de toda e qualquer manifestação musical. A maneira de o manipular ou tratar varia com as condições de lugar e de tempo, com as possibilidades materiais e estádio social de cada época, com a personalidade dos indivíduos que criam a obra de arte musical e dos que a interpretam, e é a fonte das múltiplas escolas e estilos musicais observados através da história.

O som é a sensação recebida no cérebro, através do ar e do aparelho auditivo, provocada pelas vibrações especiais de um agente externo. ou corpo sonoro, que sofreu um impulso ou estímulo físico".

Fernando Lopes Graça, opúsculos (1)

 

 "Jornada", uma das canções heroicas, poema de José Gomes Ferreira e música de Lopes-Graça, cantada por Luisa Basto


publicado por divagares às 20:32
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 16 de Dezembro de 2009

Beethoven, sempre Beethoven

Ludwig Van Beethoven, não precisou de morrer para ser admirado, respeitado. A atestar isso mesmo está o seu funeral em Viena (1827), em que participaram mais de 10.000 pessoas.

Imagem do seu funeral

 

Nascido em Bona, em meados de Dezembro de 1770, ao certo, o dia  exacto não é conhecido, o que pouco importa, pois Beethoven é celebrado todos os dias, sempre!

O seu concerto nº. 5 para piano e orquestra "O Imperador",( 1º. andamento) vai ser aqui postado, numa soberba interpretação do lendário Cláudio Arrau.

 

 


publicado por divagares às 19:56
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 11 de Dezembro de 2009

"Alabama", de Bertold Brecht/Kurt Weill

 

 


publicado por divagares às 23:05
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 7 de Dezembro de 2009

Ary dos Santos, as Canções

 

 


publicado por divagares às 19:57
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 3 de Dezembro de 2009

Maria Callas - Don Carlos, de Verdi

 

1, 2, 3, ou 4 de Dezembro terá nascido a Grande Diva, Maria Callas. Recordemo-la, escutando-a.


publicado por divagares às 23:55
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 2 de Dezembro de 2009

Eurico Carrapatoso, por Pedro Carneiro

 

 


publicado por divagares às 23:52
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 8 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. A Rainha da Noite

. Beethoven - sonata ao lua...

. Raul Torrez

. Lilia Vera (Venezuelana) ...

. Sílvio Rodriguez

. Pablo Milanez, "Para vivi...

. Mutti, Verdi, "Nabuco" e ...

. Edu Lobo

. Tom Jobim

. Simone

.arquivos

. Agosto 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

.favoritos

. Teatro Aberto: ""O Pai"

. cinco minutos de jazz

.links

.Contador

SAPO Blogs

.subscrever feeds